19 de agosto de 2014

«É assim que te escrevo, neste jeito tonto de juntar as palavras com desenhos animados e cores confusas que contam o que trago vestido por dentro. Entendo-te nas entrelinhas e invento-nos de mãos dadas num pôr do sol qualquer, num sítio qualquer, num tempo qualquer. “Temos tudo para dar certo”, penso nisto vezes sem conta, até que me perco a imaginar que o tudo nunca é tudo e que há sempre a pequeníssima possibilidade de algo dar errado. Penso nisso e assusto-me, mas depois vejo a tua imagem e sossego-me. (...)»

14 comentários :

  1. R: Tenho 4. Um de 17 anos que é filho da minha mãe e meu pai, 2 só da minha mãe e 1 do meu pai depois de se terem separado.

    ResponderEliminar
  2. Às vezes nem o "tudo" é suficiente...

    ResponderEliminar
  3. r: é claro que tenho que agradecerrrr :D

    ResponderEliminar
  4. r: tão bom ter-te aqui :D És das 3 pessoas mais importantes da blogosfera!

    ResponderEliminar
  5. r: Também eu :/ Fico tão triste quando tenho que as deitar fora!!

    ResponderEliminar
  6. Tens uma surpresa no meu blog :)
    Visita : http://my-little-corner-in-the-world.blogspot.pt/2014/08/liebster-award.html#more

    ResponderEliminar
  7. Minha fofinhaaaaaaa :D
    Tens um desafio à tua espera no meu blog, eheh
    http://biggestfantasydaisabella.blogspot.pt/2014/08/27-liebster-award.html

    beijinhoo :*

    ResponderEliminar
  8. R: Foram maravilhosas, fui com o meu namorado para Tavira de férias e foi um misto de tanta felicidade que agora as saudades dessas duas semaninhas de férias quase que me matam. Enfim, foi incrível! E as tuas como estão a ser?

    ResponderEliminar